Glenarte
      
     55 11  4192.3812/2824
 
 
Carlos E. Zimmermann

Ao longo de todos os anos, durante os quais meditei sobre as características do meu trabalho, percebi que a pintura realista é primeiro e mais importante um método de interpretação e documentação de nossas percepções --- o artista vê o que ele está preparado para ver. Toda arte tem origem na mente humana, nas nossas reações ao mundo mais do que no mundo visível em si. Arte é a união de percepção e pensamento. Percepção é quando os olhos estão vendo o invisível e os ouvidos estão ouvindo o inaudível, penetrando nas sutilezas da vida.

O que me levou a este pequeno vilarejo ao norte da Ilha de Evia, na Grécia, foi a necessidade de explorar a recorrência, durante todos estes anos, de certos temas: as necessidades espirituais das pessoas, o tempo e o espaço necessários para que este processo floresça; o surgimento do artista como indivíduo com todo o seu universo físico e psíquico; a intenção de executar obras que valorizem de novo a imaginação, os sentimentos individuais, o inconsciente e o misterioso.

Carlos Eduardo Zimmermann -Set/2002 (Excerto)

 
Carlos E. Zimmermann - GAEZ001-027X170
Carlos E. Zimmermann - GAEZ-Disp.Art.-Díptico 2x(98x98)
Carlos E. Zimmermann - GAEZDisp.Art-Diptico 2x(98x98) - 2
Carlos E. Zimmermann - GAEZ-Disp.Art.-098x135
Carlos E. Zimmermann - GAEZ004-067X067-Monotipio Digital
Carlos E. Zimmermann - GAEZ005-067X067-Monotipia Digital
Carlos E. Zimmermann - ZPORTAL2-DArt
 

Curriculum

Antonina PR 1952, Curitiba 2018. Pintor, desenhista e gravador. Estuda desenho e pintura no ateliê de Guido Viaro (1897 - 1971), em Curitiba, entre 1967 e 1969. Em 1974, trabalha sob orientação de Carlos Scliar (1920 - 2001) na cidade de Cabo Frio RJ. Entre 1978 e 1979, faz curso de pós-graduação em desenho e pintura no Royal College of Art, Londres, com bolsa de estudos do governo inglês. Em 1982, é recomendado pela Fulbright Commission para um programa de um ano de especialização em artes, realizado em Nova York, na School of Visual Arts.
Exposições Individuais
1973 - "15 Variações sobre o Tema Papel", Galeria do IBEU, Curitiba.
1974 - "Raízes e Reflexos", Galeria Acaica, Curitiba.
1975 - Galeria Graffiti, Rio de Janeiro.
1976 - Galeria Paulo Prado, São Paulo.
1978 - Galeria Ipanema, Rio de Janeiro. Galeria Acaiaca, Curitiba. Galeria du Club 44, Genebra.
1979 - "Os Meses do Ano", Museu de Arte Contemporânea, Curitiba.
1980 - Galeria Ida & Anita, Curitiba. Galeria Oscar Seraphico, Brasília.
1981 - Galeria Paulo Figueiredo, São Paulo.
1982 - Galeria Tina Presser, Porto Alegre. Galeria Paulo Prado, São Paulo.
1983 - Galeria GB Arte, Rio de Janeiro. Galeria Oscar Seraphico, Brasília.
1985 - Cambona Centro de Arte, Porto Alegre.
1988 - Galeria Arte Atual, Presidente Prudente, São Paulo. Galeria GB Arte, Rio de Janeiro.
1989 - Documenta Galeria de Arte, São Paulo.
1992 - Solar do Rosário Galeria, Curitiba.
1996 - Museu Metropolitano de Arte de Curitiba.
Participações em Bienais
1973 - XII Bienal de São Paulo.
1975 - XIII Bienal de São Paulo, artista convidado para Sala Brasília.

 
 
Av. dos Pinheiros, 820 - Loja 11
Aldeia da Serra - Barueri - CEP 06429-345.
55 11 4192.3812/2824